8 de fevereiro de 2009

Glossário sobre Internet

Encontrei este glossário sobre Internet e achei de todo o interesse colocá-lo aqui, para o caso de alguém dele necessitar.

Freeware: Software disponível para download na Internet de forma gratuita.
Nickname: Nome escolhido pelo utilizador quando se regista num chat. Este nome, geralmente, dá algumas indicações sobre os interesses da pessoa.
Phishing ("Pescar" informações dos utilizadores): método de engenharia social através do qual um desconhecido se faz passar por alguém de confiança, ou por uma entidade, com vista à obtenção de informações que permitam o acesso não autorizado a computadores, informações ou contas bancárias. Ex: algumas frases às quais deve ter atenção numa mensagem de correio electrónico: "Verifique a sua conta."; "Se não responder dentro de 48 horas, a sua conta será fechada."
Pop-up: Anúncio publicitário de janela automática.
Post: Texto publicado num blogue pelo autor do mesmo.
Shareware: Software que permite ao utilizador partilhar ficheiros com outros utilizadores da Internet.
SPAM: é o conceito utilizado para mensagens de correio electrónico não solicitadas, enchendo as caixas de correio dos utilizadores e aumentando o volume de tráfego na rede. Ex: mensagens publicitárias de correio electrónico.
Spyware: é um "software" malicioso que permite a recolha de informação do computador do utilizador por parte de desconhecidos. Na generalidade, o spyware podera vir integrado em programas não fidedignos, ou em determinadas componentes transferidas, quando se acede a um site de Internet. Ex: existem várias formas de o spyware ou outro software indesejado entrar no seu computador. Um truque comum é instalar o software sub-
repticiamente durante a instalação de um outro software de que necessita, como um programa de partilha de ficheiros de música ou de vídeo.
Trialware: Software disponível na Internet para fazer download e utilizar durante um período de tempo limitado.
Trojans (Cavalos de Tróia): exemplo de Vírus geralmente camuflados num programa legítimo, executam outras funções com o desconhecimento do proprietário do equipamento. Ex: o sistema apresenta mensagens de erro pouco usuais.
Vírus: na sua maioria encontram-se incluídos no código de programas ou ficheiros e poderão danificar o seu computador ao propagar-se de ficheiro em ficheiro e até mesmo de computador em computador. Ex: o computador tem um funcionamento mais lento do que é habitual.
VoIP: Voice Internet Protocol.
Worms: exemplo de vírus, têm a mesma finalidade do vírus, mas propagam-se automaticamente, replicando-se assim em grande volume. Ex: o computador reinicia sozinho e depois não funciona normalmente.

3 comentários:

Conceição disse...

Interessante!
Parabéns!

Conceição Pereira

Conceição pereira disse...

Interessante!
Parabéns!

Conceição Pereira

Anónimo disse...

Interessante!
Parabéns!

Conceição Pereira